O quadro de Maria Desatadora de Nós e a história de um divórcio que ela evitou - Hozana
Aleteia

Aleteia  em Aleteia

27 de maio de 2019

O quadro de Maria Desatadora de Nós e a história de um divórcio que ela evitou

A história da devoção à Maria Desatadora de Nós tem, em parte, a ver com a história de um divórcio que nunca aconteceu, graças à intervenção de Nossa Senhora.  

Esse milagre foi representado em uma pintura, que o então arcebispo da Argentina, Jorge Bergoglio, viu em um altar na Alemanha. Impactado pela imagem e pela história por trás dela, ele levou esta devoção para a Argentina. 

A história teria acontecido no ano de 1.700, quando o pintor alemão Johann Melchior Georg Schmittdner recebeu a encomenda de uma pintura para o altar da nobre família Langenmantel. Ele escolheu como tema o fato que tinha acontecido nessa mesma família 85 anos antes. 

Segundo relato de Richard Lenar, da Universidade de Dayton, em 1.612 o nobre alemão Wolfgang Langenmantel e sua esposa, Sophie Imoff, estavam à beira de um divórcio. Na tentativa de salvar o casamento, Wolfgang buscava conselhos com o padre Jacob Rem, um sacerdote jesuíta conhecido por sua compaixão e sabedoria e que, segundo se diz, tinha presenciado uma aparição da Virgem Maria. 

No dia de sua última reunião juntos, o padre Rem orava em uma capela diante da imagem de Nossa Senhora das Dores. 

Quando Wolfgang conheceu o padre Rem, ele lhe entregou o laço do seu casamento, que, de acordo com a tradição, tinha sido amarrado nas mãos dos noivos, simbolizando a união dos mesmos por toda a vida. Porém, enquanto rezava com Wolfgang, o padre lançou o tecido ao ar e vários nós se desataram. 

Lenar escreve: “Quando o padre Rem pegou novamente a fita, ela estava imensamente branca. Graças a este acontecimento, Wolfgang e Sophie puderam evitar o divórcio e continuar o casamento”. 

A pintura baseada nesta história mostra a Virgem Maria desatando os nós da vida matrimonial. Lenar também explica o simbolismo do quadro: 

“O esmagamento da serpente significa que Maria é a Imaculada Conceição já que ela, a única isenta de toda mancha do pecado, é o oposto eterno da serpente. A pomba é uma referência à Maria como Noiva do Espírito Santo. Os anjos ajudam a Santíssima Mãe: um apresenta os nós de nossas vidas a ela e o outro nos apresenta a fita sem nós”. 

86851-o-quadro-de-maria-desatadora-de-nos-e-a-historia-de-um-divorcio-que-ela-evitou

Embora a devoção a Nossa Senhora Desatadora de Nós tenha começado com Santo Irineu no século II, de acordo com Lenar, ela só se tornou popular recentemente graças aos esforços do Papa Francisco.

Aqueles que recorrem a Maria para que ela ajude a desatar seus nós o fazem não só por causa de problemas matrimoniais, mas também por qualquer questão aparentemente insuperável, que exige sua intercessão.

"Guardava todas essas coisas no seu coração e pensava muito nelas". Lucas 2:19

comentários

"Que as suas conversas sejam sempre agradáveis e de bom gosto, e que vocês saibam também como responder a cada pessoa". Colossenses 4:6

Iraci
place Rio de Janeiro, há 1 ano
Nossa Senhora Desatadora dos Nós, obrigada pela graça por mim recebida por tua intercessão! Meu matrimônio e minha vida com Cristo foram renovados também por sua intercessão! Obrigada mãe de Deus e minha🙏🙌
Ana F.
 há 1 ano
Nossa Senhora Desatadora de Nós, desatai os nós da nossa vida, Amém!